Este slideshow necessita de JavaScript.

Seu trabalho é formulado por meio de um processo de coleta e ordenação. Leirner acumula produtos e os reapropria em obras visualmente atraentes que exigem ser vistas e lidas. Silhuetas de atletas foram selecionadas de diversos jornais, ao longo de mais de 20 anos, e compõem a publicação.

Jac Leirner [São Paulo, 1961] vive e trabalha em São Paulo. Representada pelas galerias Fortes D’Aloia & Gabriel, White Cube. Individuais recentes: Institutional Ghost, Irish Museum [Dublin, 2017]; Junkie, White Cube [London, 2016]; Métrica mínima, FDG [São Paulo, 2015]. Participou da: La Biennale di Venezia [1997]; Documenta, Kassel [1992]; Bienal de São Paulo [1983, 1989, 1994, 2000].

***

O livro de artista Atletas 1988-2014, de autoria de Jac Leirner para a série Ponto e vírgula, da Ikrek Edições, é desdobramento do trabalho realizado a partir da coleção de imagens de atletas, e suas respectivas legendas reproduzidas nas páginas de jornais brasileiros e estrangeiros que Jac compila desde 1988. O conjunto desses recortes de jornais já deu origem a desenhos e colagens nos anos 1980 e 1990, assim como trabalhos em aço exibidos pela primeira vez na exposição Hardware Seda – Hardware Silk, na Yale School of Art, em 2012.
A utilização de objetos cotidianos é uma constante em seu trabalho. Esse fato é relevante para a leitura da obra que se apresenta, já que as manchetes selecionadas registram os acontecimentos esportivos que ganharam destaque diante da leitura diária dos periódicos, como também mapeiam os locais por onde passou Jac Leirner.
O livro revela uma narrativa não linear e não contextualizada, porém extremamente dramática. Isso se dá por meio de três eixos concebidos pela artista: a ausência das figuras humanas retratadas nas fotos, mas presentes nos contornos que as sugerem; a proeminência dado às legendas; e, por fim, a cor atribuída ao conteúdo: vermelho sangue.
Informações como data e nome do periódico são reservadas ao índice no final do livro, o que não interrompe a leitura e apreciação dos contornos. Uma vez que traz textos em diversas línguas, o livro não fica restrito a um público lusófono.
O processo de produção do livro é curioso: sobre as centenas de recortes de jornais, a artista fez os contornos a lápis. Foram pré-selecionados jornais e desenhos tomando-se como parâmetro a ausência da silhueta humana em perfeito estado de reconhecimento, ou seja, quanto mais amorfo o contorno, melhor. Posteriormente, foram escaneados. Os contornos foram vetorizados; as legendas foram tratadas de modo a preservar as famílias tipográficas dos jornais e o formato em que foram publicadas. Por fim, fez-se a escolha dos que estariam presentes na publicação.

Atletas: 1988-2014

Jac Leirner

2014

série ponto e vírgula

ISBN 9788567769035
128 páginas
15,5 x 23 cm
Português
300 exemplares numerados
Esgotado